Artéria do município recebe a denominação de Rua José Alves dos Santos
  • Ouça a
    Rádio Difusão
  • Contato-Stampha
    Facebook-Stampha
    Cidade
    16/08/2016
    14:30
    Artéria do município recebe a denominação de Rua José Alves dos Santos

    Projeto de Lei Legislativo, aprovado por unanimidade na noite desta segunda, 15, com a presença expressiva de familiares e amigos do homenageado, denomina artéria de nosso município de Rua José Alves dos Santos – Empresário, localizada no Loteamento Poltronieri.

     Filho de Osorio Alves dos Santos e Adelina Giorgi dos Santos, nasceu em Erechim no ano de 1943, no Bairro São Cristóvão, onde residiu por toda sua vida. Casado com Eloir teve seis filhos: Gilberto, Rosane, Roseli, Rivelino, Tatiana e Tatiele. Faleceu aos 67 anos, em 24 de janeiro de 2011.

     Iniciou suas atividades na construtora Gaúcha, trabalhando inicialmente como auxiliar de pedreiro e quando saiu dessa empresa já atuava como mestre de obras. Usou a experiência adquirida e os conhecimentos na área para montar a sua própria empresa, no ramo da construção civil e fez grandes obras em nossa cidade.

     Dentre as obras realizadas, a construção da Igreja Católica São Cristóvão, do prédio do SENAI, o Ginásio da Fapes, Ferragem Erechinense e reformas na Mitra Catedral São José, além de casas e prédios familiares.

     Dando sua contribuição a sua comunidade, José atuou na direção da Associação de Moradores e no Conselho Econômico da paróquia São Cristóvão por vários mandatos e teve participação com parceria da Irmã Consolata na construção da atual Igreja São Cristovão.

    Como bom cidadão e participante de sua comunidade,  sempre se colocou como voluntário para colaborar com todos os moradores.  Muito organizado e disposto a fazer com que o objetivo de cada um tivesse grande sucesso.

    José era torcedor apaixonado do internacional e fã do jogador Rivelino, o qual homenageou um de seus seis filhos. Jogou futebol em vários clubes, e a exemplo do seu grande ídolo, tinha como característica um chute forte.

     Era uma pessoa muito alegre e de bem com a vida. Gostava de festa e de estar sempre rodeado de amigos e familiares. Gostava de praia e tinha por hábito veranear todos os anos, onde aproveitava para relaxar e sentar-se a beira-mar para admirar as ondas.

     

     Foi exatamente nessa situação, sentado em uma cadeira, que seu José veio a falecer, deixando muitas saudades a toda a sua família e amigos, que sempre vão lembrar dele como uma pessoa honesta e trabalhadora, mas acima de tudo apaixonado pela vida, um exemplo de alegria a ser seguido.

    Social Stampha
    O Portal Stampha não se responsabilza pelos conceitos emitidos nos textos assinados. As pessoas não listadas no expediante não estão autorizadas a falar em nome do Portal ou retirar qualquer tipo de material sem prévia autorização emitida pela redação ou pelo depatardamento de marketing do Portal Stampha. Não é permitida a reprodução das matérias publicadas sem prévia autorização dos responsáveis. As informações contidas nos anúncios e informes publicitários publicados no Portal Stampha são de total responsabilidade dos anunciantes, que responderão pela veridade da mesma.
    © 2014 - stampha.com.br • Todos os direitos reservados.